sábado, 30 de agosto de 2008

Quando a vida imita a arte


Quando você pára uma hora para ver Californication na tevê e vê as aventuras sexuais do safado (rsrs) Hank Mood é possível pensar: será que esse cara é assim na vida real? Sim, eu já pensei, afinal tem gente que leva o personagem pra casa né...
Mas essa semana a vida imitou a arte totalmente e respondeu a minha pergunta, já que o ator David Duchovny foi parar na reabilitação. O ator admitiu ser um viciado em sexo e não encontrou outra forma a não ser tomar esta decisão voluntariamente e se cuidar pelo seu bem e o da sua família.
Casado com a atriz Téa Leoni e pai de dois filhos espero que consiga se recuperar...
À propósito não é que escolheram o ator certo pra interpretar um dos maiores mulherengos da tevê paga??? Eita coincidência!!!

4 comentários:

Srta. Rosa disse...

Definitivamente é um azar que esse aí não tenha cruzado o meu caminho. Êita homi bão!

Juliana Aquino disse...

Ôooooooooooooooooooo
Volte sempre!
bjs

Grazy Vedder disse...

Posé...bem diferente do assexuado do Fox Mulder.....Nem sempre a vida imita a arte, só os melhores personagens, rs!

Juliana Aquino disse...

E não é Grazy?! rsrs