sexta-feira, 26 de junho de 2009

Michael is dead????

Assim como Elvis jamais morrerá, Michael Jackson, o Rei do Pop também não. Após ver a homenagem exibida no fechamento do Jornal Nacional, após o choro impossível de ser contido desde ontem, era inevitável não vir no Teorias e dizer o quanto eu gostava do cara estranho, polêmico, uma mistura de anjo e demônio.
No início da década de 80 conheci Michael Jackson. Foi dele o primeiro disco que pedi de presente. Meu pai foi comprar o disco, mas chegou com o compacto com Beat it porque o disco tinha acabado. Fiquei um pouquinho decepcionada porque queria o discão todo, mas fiquei feliz também. Parava tudo para ver o clipe de Bad, fugia igual o diabo foge da cruz quando passava Thriller. É, tinha medo. rsrsrsrsrs
Sempre tentei imitar a coreografia de Beat it, assim como fazer desastrosamente o moonwalk com a minha irmã. Desde criança o nó na garganta aparecia quando em algum canal de tevê passava Michael cantando Ben. Aquela voz de anjo, delicada e suave, falando sobre amizade. Quem não se emociona ao ouvir "Ben, the two of us need look no more. We both found what we were looking for..."?
Em meio a tanto talento, à tanta magia, julgamentos, revelações terríveis do passado do astro, revelações terríveis da vida pessoal do herdeiro de Elvis, dívidas, doenças, rosto e corpo desconfigurados e uma alma perdida num mundo perigoso e somente dele.
Não vamos tapar o sol com a peneira e só porque ele morreu esquecer do lado negro de Michael, mas como disse tantas pessoas no Twitter nesses dois dias, vamos nos lembrar do cantor de Billie Jean e tantas outras músicas que já se tornaram clássicos universais, como alguém diferente da maioria, que ao menos na música fez tantas pessoas felizes. Isso não é hipocrisia alguma. Que agora o astro atormentado, enfim, descanse e nós continuemos a dançar com ele.
"I wanna rock with you (all night)/ Dance you into day (sunlight)/ I wanna rock with you (all night)/ I'm gonna rock the night away".

Amigo Alan, olha eu aqui! Tomei vergonha! Salve Michael!

2 comentários:

Dany Braga disse...

Juliana, amei seu texto!!! Ele sempre faz parte e sempre fará parte de nossas vidas de maneira especial! beijos

Juliana Aquino disse...

Brigada Dany!!!!!
Adoro ele!