sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

The Police x Chris Cornell


X


Depois dessa semana agitada que tive, como "postado" acima (viu Jú, estou verbalizando direitinho), aqui vai as impressões que tive ambos os shows:

ORGANIZAÇÃO
The Police 4 x 7 Chris Cornell

. No Police, simplesmente às 19 hrs fecharam o portão da pista, para que as pessoas que já entraram pudessem se acomodar. Logo, aconteceu o mais provável que até um imbecil preveria, como eles demoraram para reabrir o portão, acabou acumulando zilhares de pessoas na entrada, as quais ficaram muito irritadas pela demora e pela tal atitude demente. Resultado, quando abriram foi uma confusão sem fim, com muito empurra-empurra e gente sendo machucada. Realmente não entendi.

. Na do Chris, tudo foi tranqüilo, mas achei um absurdo fazer a gente entrar na casa de show pelo lado de fora, com um mundo de água caindo. E eu sei que as entradas da parte de dentro dão acesso à pista, pq cansei entrar por lá.


REPERTÓRIO
The Police 7 x 9.5 Chris Cornell

. The Police não tocou "We're spirits in a material world" e fecharam com uma música que ninguém conhecia.

. O Chris tocou de um tudo, tanto do Soundgarden como do Audioslave, passando pelo Temple of The Dog (aquele do Hunger Stike, que gravou com Eddie Vedder) e, é claro, música da sua carreira solo. Só não levou 10, pq sempre falta uma música, ainda mais ele que tem um repertório enorrrrrrrrrrrrme!


PRESENÇA DE PALCO
The Police 4 x 10 Chris Cornell

. Enquanto o Sting só arranhou um português sem vergonha no início do show, o Chris falou uns quatrocentos Thank you e interagiu o tempo todo com o público.


PÚBLICO
The Police 6 x 10 Chris Cornell

. No The Police o público estava muiiito morno, mas a questão é: "Tostines vendo mais pq é fresquinho, ou é fresquinho pq vende mais?"

. No Chris foi fantástico, tanto que o show durou 2h30 e nitidamente vc percebia que ele estava emocionado e que não queria ir embora. Até no momento acústico, somente ele e o violão, o público não perdeu o pique, sempre aplaudindo, berrando e cantando junto. Só nesta parte, ele ficou uma meia hora, cantando músicas que nem estavam no setlist...improvisando direto.


SOM
The Police 10 x 10 Chris Cornell

. Ambos perfeitos.


BANDA
The Police 9 x 7 Chris Cornell

. Os integrantes do The Police são macacos velhos, com mais de 30 anos de estrada. Por mais que eu não seja uma "entendida" do assunto, fica claro quando a musicalidade é homogênea e muito bem tocada.....maravilhosos.

. A banda é jovem e muuuito boa mesmo. Mas vc percebe que a experiência não é profunda quando tocaram músicas do Soundgaden e do Audioslave. Mas nada que uns anos de estrada não resolva.


SEGURANÇA
The Police 5 x 9 Chris Cornell

. No The Police, vcs viram? Pq eu não vi. Só não teve confusão pq o público foi bem comportado.

. No Chris vi algo inédito para a minha pessoa....eles estavam repreendendo os maconheiros, não deixando nem acender. Tinha segurança andando entre o público procurando algum "back". Muiiito bom mesmo...não senti nenhum fedorzinho da "Mariana".


Bem, para finalizar este post, gostaria de deixar o meu protesto com a nova onda que está surgindo, a ÁREA VIP. Eu praticamente não vi nada do show. Cheguei lá, procurei ficar mais próxima da grade e mesmo assim, fiquei zilhares de quilômetros do palco, devida á área reservada para os vips, que simplesmente ocuparam a metade do campo.

Aí pergunto, o show foi morno, pq o público que é fã mesmo estava longe do palco, logo não viram nada? Ou o show foi ruim mesmo? Não sei dizer. Mas pessoas como eu, que gostam de ficar na frente para sentir o show e ver os guitarristas dedilhando (além de ser muito baixinha), são obrigadas a pagar uma fortuna, ficar lá atrás, não vê nada (acreditem, não vi o Sting).

Realmente, não tinha como gostar...mas marquei presença. Uma coisa eu sei, próximo show que quiser ir e tiver essa PALHAÇADA de vips, ou vou de arquibancada (longe por longe, pelo menos fico sentada e vejo uns pontos se mexendo no palco) ou simplesmente não vou. Passar por isso de novo...NUNCA MAIS!

Bjs e inté!

Um comentário:

Juliana Aquino disse...

Essa chamada área VIP é uma merda isso sim!!! A verdadeira área VIP é formada por aqueles que ficam esmagados na fila do gargarejo ou sentadinhos na arquibancada e quer ver seus músicos de perto! Pq o que importa é estar lá, não sair em Caras ou Contigo... sacanagem isso...